Periféricos de entrada, saída e entrada e saída

Periféricos de entrada:

  • Teclado: periférico que permite o usuário inserir dados através de diversas teclas, inclusive com combinações.
  • Mouse: periférico que permite o usuário posicionar uma seta (apontador) através da interface gráfica dos aplicativos. O mouse possui 2 botões padrões, o esquerdo e o direito.
    • Botão esquerdo tem a função de selecionar com um clique e executar com 2 cliques.
    • Botão direito tem a função auxiliar e na maioria dos aplicativos aciona um menu contextual de atalhos e comandos.
    • Há diversos tipos de modelos, como touchpad, trackball e óptico.

      Tipos de mouse – clique para ampliar

  • Webcam: Periférico de entrada que captura imagens estáticas e em movimento. Utilizada para vídeo conferências.
  • Scanner: Periférico de entrada, também conhecido como digitalizador de imagens. Captura imagens impressas (foto, livros, documentos) através da decodificação de reflexos gerados por impulsos luminosos.
    Pode ser de mão ou de mesa. Usado em conjunto com um software de OCR (Optical Character Recognition) reconhecimento óptico de caracteres, pode transformar textos impressos em arquivos editáveis.

    Scanner de mesa – clique para ampliar

Periféricos de saída

  • São todos os dispositivos de saída conectados externamente à placa-mãe do computador
    • Monitor
    • Impressora
    • Caixas de som
  • Monitor – Principal periférico de saída, exibe ao usuário as principais informações do sistema.
    Os principais tipos são: LCD, CRT, Plasma, OLED
    Operam comumente em freqüências entre 60HZ e 80HZ

    • Resolução de tela: A resolução é dada pelo número de linhas horizontais por linhas verticais. O encontro dessas linhas formam pontos chamados de pixels, que são a menor unidade visual. As configurações mais comuns são 800×600, 1024×768, 1280×1024 – para o formato padrão 4:3 (proporção) e 1280×800 e 1440×900 para formato widescreen, 16:9 (proporção). O tamanho de uma tela é dado pelo diâmetro em polegadas, exemplo: 15″, 17″, 19″, 22″, etc.

      Exemplo de resolução de tela – clique para ampliar

Periféricos de entrada e saída

  • São dispositivos capazes de fornecer dados ao sistema e ao usuário no mesmo hardware. Principais exemplos:
    • Monitor TouchScreen
    • Joystick (controles de jogos) com funções de vibração e force feedback
    • Modem
    • Pendrive
  • Modem – Hardware que pode ser instalado no interior do gabinete ou externamente (logo, torna-se um periférico). Seu nome vem de Modulador e Demodulador de sinais, ou seja, transforma tipos de sinais para o tráfego de dados. Um modem ADSL (de internet de alta velocidade) é capaz de demodular o sinal analógico do telefone e modular o sinal digital do computador, para troca de dados através do cabo do telefone. Principais exemplos:
    • Fax-modem
    • ADSL modem
    • Cable modem
    • WiFi modem

Por enquanto é isso pessoal, quaisquer dúvidas utilizem o formulário abaixo! Até mais!

394 ideias sobre “Periféricos de entrada, saída e entrada e saída

  1. muito obrigado pela grade ajuda que me deu nesta pesquisa, espero contactala mais vezes, bjos da sua amiga victoria em Luanda Angola

  2. Ótima linguagem, fácil compreensão. Recomendo para qualquer pessoa leigas ou veteranas na área TI ou até mesmo aqueles que buscam melhor conhecimento. Parabéns a quem postou! Também coloquei em meu trabalho da Faculdade de Análise de Sistemas.

  3. Nossa me ajudou muito! Eu respondi todas as questões do questionário da minha prova de informática, e tenho certeza que vou tirar dez nessa prova! Além de ter todas respostas, estava em ordem de acordo com o questionário da prova de informática! O questionário tem oito questões! Amei, amei, amei e amei esse texto, amei de paixão! Me ajudou dimais! Tchau gente, e um beijinho na testa ”risadas”! :)!

  4. Adorei me ajudou muito com a pesquisa a escola!
    estudo na EMJ e essa pesquisa acho que o professor vai adorar também!